Você precisa saber disto:

1) No dia de Pentecostes, Pedro declarou perante milhares de pessoas que Deus havia ressuscitado o Senhor JESUS Cristo:

“A este Jesus Deus ressuscitou, do que todos nós somos testemunhas.” (At 2:32)

JESUS explicou que ELE mesmo reconstruiria (ressuscitaria) o seu corpo, declarando ser o próprio Deus:

“Destruí este santuário, e em três dias o reconstruirei.” (Jo 2:19)

 

A própria Bíblia nos informa que os discípulos creram no Senhor:

“Ele, porém, se referia ao santuário do seu corpo. Quando, pois, Jesus ressuscitou dentre os mortos, lembraram-se os seus discípulos de que ele dissera isto; e creram na Escritura e na palavra de Jesus.” (Jo 2:21 – 22)

 

 

2) Isaías profetizou dizendo que Deus viria com o nosso galardão:

“Eis que o SENHOR Deus virá com poder, e o seu braço dominará; eis que o seu galardão está com ele, e diante dele, a sua recompensa.” (Is 40:10)

JESUS se revelou o mesmo Deus profetizado por Isaías declarando:

“Eis que venho sem demora, e comigo está o galardão que tenho para retribuir a cada um segundo as suas obras.” (Ap 22:12)

 

 

3) YHWH disse:

“Olhai para mim e sede salvos, vós, todos os limites da terra; porque eu sou Deus, e não há outro. […] Diante de mim se dobrará todo joelho, e jurará toda língua.” (Is 45:22-23)

E a Epístola aos Filipenses confirma dizendo:

“Para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho, nos céus, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é Senhor, para glória de Deus Pai.” (Fp 2:10-11)

Observe que se a doutrina da trindade fosse verdadeira, a primeira e a terceira pessoa da trindade teriam que dobrar os joelhos diante de JESUS. Assim, a segunda pessoa seria maior que a primeira e a terceira, gerando contradições.

 

4) Davi disse:

“Quem é o Rei da Glória? YHWH, forte e poderoso, YHWH, poderoso nas batalhas.” (Sl 24:8)

E Paulo, no N.T. escreveu expondo a sabedoria de Deus em mistério que estava oculto:

“Sabedoria essa que nenhum dos poderosos deste século conheceu; porque, se a tivessem conhecido, jamais teriam crucificado o Senhor da glória” (1Co 2:8)

 

JESUS é o próprio Deus YHWH que se fez carne e habitou entre nós (Jo 1:14). JESUS “subsistindo* em forma de Deus, não julgou como usurpação o ser igual a Deus; antes, a si mesmo se esvaziou, assumindo a forma de servo, tornando-se em semelhança de homens; e, reconhecido em figura humana, a si mesmo se humilhou, tornando-se obediente até à morte e morte de cruz.” (Fp 2:6-8).

*dicionário: subsistir = permanecer, continuar a ser

 

As palavras que conferimos acima indicam que JESUS, mesmo sendo Deus, esvaziou-se a si mesmo. Não foi outro deus (primeira ou terceira pessoa da trindade) que O esvaziou, mas Ele próprio (porque Deus é único – cf. Dt 6:4) se esvaziou vindo a nós em aparência humana. Semelhantemente, JESUS não foi humilhado por um outro deus, mas se humilhou a si mesmo, por vontade própria. JESUS Cristo é Deus encarnado (em carne), e esta verdade foi anunciada por intermédio de Isaías e, mais tarde, confirmada por Mateus:

 

5) Isaías anunciou:

“Portanto, o Senhor mesmo vos dará um sinal: eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho e lhe chamará Emanuel.” (Is 7:14)

 E Mateus confirmou:

“Ora, tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que fora dito pelo Senhor por intermédio do profeta: Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho, e ele será chamado pelo nome de Emanuel (que quer dizer: Deus conosco).” (Mt 1:22-23)