Terremoto nos dias de Uzias

Amós

O livro do profeta Amós começa dizendo:
“Palavras, que em visão, vieram a Amós, que era entre os pastores de Tecoa, a respeito de Israel, nos dias de Uzias, rei de Judá, e nos dias de Jeroboão, filho de Joás, rei de Israel, dois anos antes do terremoto.” (Am 1:1) 

 

O profeta Amós, natural de Tecoa, viveu durante os reinados de Uzias, rei de Judá, e foi contemporâneo dos profetas Isaías e Oseias. Naqueles tempos, o SENHOR estava com extremo desgosto por causa da apostasia e decadência moral do povo do reino do norte, Israel. O SENHOR enviou Amós para profetizar no outro lado da fronteira, em Judá:
“[…] Chegou o fim para o meu povo de Israel […]” (Am 8:2)

 

Oseias

O profeta Oseias também deixou bem claro que o SENHOR procurava o seu povo, mas Israel não queria saber de Deus:
“Porque o meu povo é inclinado a desviar-se de mim […]” (Os 11:7)

 

Uzias

Uzias não era profeta e sim rei de Judá. O seu reinado foi bastante próspero (2Cr 26:5) porque ele se propôs buscar a Deus; mas no auge do seu reinado, infelizmente, Uzias se exaltou, deixou-se conduzir pelo pecado e terminou os seus dias leproso e excluído da Casa do SENHOR:

“Mas, havendo-se já fortificado, exaltou-se o seu coração para a sua própria ruína, e cometeu transgressões contra o SENHOR, seu Deus […]” (2Cr 26:16)

 

Não há relato que ele se arrependeu e pediu perdão a Deus pelo que havia feito, na esperança de Deus lhe curar e restaurar sua vida; apenas que ele mesmo se deu pressa em se retirar, visto que o SENHOR o ferira (2Cr 26:20). Uzias morreu leproso.

 

Isaías

No dia em que o profeta Isaías foi chamado para o ministério do SENHOR, a Bíblia diz:

“No ano da morte do rei Uzias […] as bases do limiar se moveram [ou seja, a terra tremeu] à voz do que clamava, e a casa se encheu de fumaça.” (Is 6:1 e 4)

 

Zacarias

O profeta Zacarias viveu cerca de 200 anos depois de Oseias e Amós. Mas uma entre muitas das suas profecias nos chama atenção:
“[…] Sim, fugireis como fugistes do terremoto nos dias de Uzias, rei de Judá; então, virá o SENHOR, meu Deus, e todos os santos, com ele.” (Zc 14:5)

 

O SENHOR fala conosco:

Como você deve ter notado, Am 1:1 e Zc 14:5 falam do mesmo terremoto. Zacarias faz uma comparação do terremoto dos dias de Uzias com o advento do Senhor JESUS. A Bíblia nos traz muitas histórias onde o SENHOR interveio e se manifestou através de terremotos. Então, abramos a mente e entendamos:

 

A terra tremeu antes de Moisés receber os Dez Mandamentos:

Todo o monte Sinai fumegava, porque o SENHOR descera sobre ele em fogo; a sua fumaça subiu como fumaça de uma fornalha, e todo o monte tremia grandemente.” (Êx 19:18)

 

A terra se fendeu e engoliu Corá e mais de 250 homens após estes terem se levantado contra Moisés, o ungido de Deus:

“[…] A terra debaixo deles se fendeu, abriu a sua boca, e os tragou com as suas casas, como também a todos os homens que pertenciam a Corá, e a todos os seus bens.” (Nm 16:32)

 

O SENHOR mandou um terremoto para assegurar a vitória de Jonas sobre o exército dos filisteus:

“E houve tremor no arraial, no campo e em todo o povo; também a mesma guarnição e os saqueadores tremeram, até a terra se estremeceu porquanto era tremor de Deus.” (1Sm 14:15)

 

Quando Elias fugiu de Jezabel, após enfrentar e vencer os falsos profetas de Baal no Monte Carmelo, passou por várias experiências  no Monte de Deus, inclusive um terremoto:

“E Deus lhe disse: Sai para fora, e põe-te neste monte perante o SENHOR. E eis que passava o SENHOR, como também um grande e forte vento que fendia os montes e quebrava as penhas diante do SENHOR; porém o SENHOR não estava no vento; e depois do vento um terremoto; também o SENHOR não estava no terremoto” (1Rs 19:11)

 

Aviso de Isaías: A terra tremerá no Grande Dia do SENHOR:

 “E será que aquele que fugir da voz do terror cairá na cova, e, e se sair da cova, o laço o prenderá; porque as represas do alto se abrem, e tremem os fundamentos da terra.” (Is 24:18)

 

“Do SENHOR dos Exércitos vem o castigo com trovões, com terremotos, grande estrondo, tufão de vento, tempestade, e chamas devoradoras.” (Is 29:6)

 

Tremores na morte do Senhor JESUS Cristo:

“E eis que o véu do templo se rasgou em dois, de alto a baixo; e tremeu a terra, e fenderam-se as pedras” (Mt 27:51)

 

Novos tremores na ressurreição do Senhor JESUS Cristo:

“E eis que houvera um grande terremoto, porque um anjo do Senhor, descendo do céu, chegou, removendo a pedra da porta, e sentou-se sobre ela.” (Mt 28.2)

 

Houve um terremoto quando Paulo estava preso:

“E de repente sobreveio um tão grande terremoto, que os alicerces do cárcere se moveram, e logo se abriram todas as portas, e foram soltas as prisões de todos.” (At 16:26)

 

Quando o fim estiver próximo o SENHOR nos avisará por meio de muitos sinais; um destes sinais é o terremoto:

“E haverá grandes terremotos, epidemias e fome em vários lugares, coisas espantosas e também grandes sinais do céu.” (Lc 21:11)

 

Encontramos no Livro de Apocalipse, várias profecias de eventos finais com terremotos, como por exemplo, a abertura do 6º e do 7º selo (cf. Ap 6:12; 8:5; 11:13).

 

 Aviso!

Calibremos o nosso sismógrafo espiritual e estejamos atentos às mensagens de Deus. ELE pode nos falar através da oração, da Bíblia, das palavras da pregação, ou ainda, por fatos que acontecem no nosso cotidiano. O terremoto que o profeta Zacarias anunciou comparando ao terremoto dos tempos de Uzias irá se repetir no Grande Dia do SENHOR. Preste atenção e prepare-se!

 

 Veja: