Quer ter a sua oração ouvida pelo SENHOR?

Então lembre-se do que está escrito:

 

“Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições,

pela oração e pela súplica com ações de graças.” (Fp 4:6)

Não adianta apenas fazer conhecidas diante das pessoas as suas necessidades. Veja bem que a Palavra nos ensina a fazer conhecidas diante de Deus as petições, através da oração e súplica com ações de graças.

 
Alguém pode estar se perguntando: Como posso orar com ações de graças se estou num momento desesperador? Mais uma vez lembre-se do que está escrito:
 

“Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco.” (1Ts 5:18)

 

Jamais podemos esquecer o amor e a misericórdia do SENHOR para conosco. Nós, outrora, não éramos povo de Deus, mas alcançamos misericórdia (Cf.  1Pe 2:9-10; Ef 2:2:12-13; Cl 1:21).
O cristão quando ora esquecendo-se das Palavras, ora de uma maneira animosa (com raiva), egoísta (só por seus interesses) e arrogante (quer mandar em Deus). Como, então, poderá ter a sua oração ouvida?
 

“Humilhai-vos, portanto, sob a poderosa mão de Deus, para que ele, em tempo oportuno, vos exalte, lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós.” (1Pe 5:6-7)

 

“Quero, portanto, que os varões orem em todo lugar, levantando mãos santas, sem ira e sem animosidade.” (1Tm 2:8)

 

Desejo que o povo de Deus obtenha vitória em suas lutas, através da oração. Que em tudo o SENHOR seja louvado. Amém!

 

“Ora, àquele que é poderoso para fazer infinitamente mais do que pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós, 
a ele seja a glória, na igreja e em Cristo Jesus, por todas as gerações, para todo o sempre. Amém!”
(Ef 3:20-21)