Quem foi Silvestre I?

31 de dezembro é dia da mais famosa e tradicional corrida da América Latina, a Corrida Internacional de São Silvestre. Ela é disputada desde 1925 na capital paulista no dia 31 de dezembro, “dia de São Silvestre” (santo católico), de onde vem o nome.

 

Mas quem foi Silvestre?

Silvestre foi um líder cristão contemporâneo do imperador romano Constantino, por isso, pode-se dizer que ele foi cúmplice de muitos dos atos iníquos de Constantino.

 

Ele aproveitou o bom relacionamento com o então imperador Constantino, o autor do decreto que pôs fim a quase 300 anos de perseguição aos cristãos pelo Império Romano, que tratou de estabelecer a autoridade católica no mundo Antigo e Medieval e ordenou a construção de Santo Sepulcro em Jerusalém e as primitivas basílicas de São João de Latrão (localizada em Roma) e São Pedro (no Vaticano).

Silvestre foi também cúmplice da elaboração da falsa doutrina da trindade e a mudança do dia de descanso bíblico sábado para domingo, como havia dito o profeta Daniel:

“Proferirá palavras contra o Altíssimo, magoará os santos do Altíssimo, e cuidará em mudar os tempos e a lei; e os santos lhes serão entregues nas mãos, por um tempo, dois tempos, e metade de um tempo.” (Dn 7:25)

 

Veja: http://gloria-aleluia.org.br/unicidade-cremos-unico-deus/

 

No dia 31 de dezembro de 335, Silvestre veio a falecer e após sua canonização pela Igreja Católica, passou a ser referido como São Silvestre. O dia de sua morte passou a ser conhecido como o “dia de São Silvestre”. É por isso que o evento esportivo que acontece no último dia de cada ano em São Paulo ganhou o nome de Corrida de São Silvestre.

Veja: http://gloria-aleluia.org.br/salvacao-vem-dos-judeus-jo-422/