O reino de Deus é para os que o buscam

Frequentemente ouvimos as pessoas dizendo: o fulano morreu e deve estar agora no céu. Desejamos que todas as pessoas sejam salvas, mas segundo o Senhor JESUS, o reino dos céus não é para qualquer um. Observe as palavras do Senhor em diferentes traduções:

“E desde os dias de João, o Batista, até agora, o reino dos céus é tomado a força, e os violentos o tomam de assalto.” (Versão JFA – Revisada Imprensa Bíblica)

 

“Desde os dias de João Batista até agora, o Reino dos céus é tomado à força, e os que usam de violência se apoderam dele.” (Versão JFA – Revista e Corrigida)

 

“Desde os dias de João Batista até agora, o reino dos céus é tomado por esforço, e os que se esforçam se apoderam dele.” (Versão JFA – Revista e Atualizada)

 

Certamente, o Senhor não está falando do uso de força ou violência física, mas da determinação, coragem e ousadia na fé que todo candidato à vaga no céu deve ter como requisito.

 

Você ficou curioso em saber onde estão as palavras acima? Elas estão registradas em Mateus 11:12, e o interessante, é que a mensagem do Senhor JESUS não termina por aí, mas continua:

“Quem tem ouvidos [para ouvir], ouça. Mas a quem hei de comparar esta geração? É semelhante a meninos que, sentados nas praças, gritam aos companheiros: Nós vos tocamos flauta, e não dançastes; entoamos lamentações, e não pranteastes.” (Mt 11:15-17)

 

 A indiferença

A indiferença é um grave sintoma de falta de fé, e de certa forma, uma ofensa ao Senhor e a si mesmo. Ser indiferente na fé é fazer de conta que Deus não existe, ignorar o evangelho e desprezar o compromisso do ministério recebido. Em outras palavras, é total falta de esforço para herdar o reino dos céus.

 

Esaú foi indiferente à bênção que herdou, por isso, acabou perdendo para o seu irmão que se esforçou para obtê-la, fazendo-se jus à palavra do Senhor: “Os que se esforçam se apoderam dele” (Mt 11:12). No Novo Testamento, vemos o caso da igreja em Laodiceia que foi duramente advertida pelo Senhor porque a sua fé não era quente, nem fria, e sim morna (cf. Ap 3:14-22).

 

Você crê no Senhor JESUS Cristo, ou apenas espera que ELE realize os desejos seus?  Se você vive nessa fé mimada, certamente, o Senhor chora por você.

 

O Senhor chorou quando viu a cidade de Jerusalém porque foi tomado de uma grande dor. Sim, pois o Messias estava ali, e mesmo assim o povo não queria vê-Lo. A salvação era real e o amor verdadeiro derramado em graça, mas ninguém se regozijava nesta verdade. JESUS não era mais um profeta a passar por aquela cidade, e sim o próprio Messias, o Emanuel, o Deus conosco. Sua Graça não estava sendo vendida ou sorteada, mas já era real, pois ELE é o EU SOU. ELE não era a profecia e sim o cumprimento delas. Mesmo assim Jerusalém virou o rosto para Ele. Preferiram escolher o bandido Barrabás do que o próprio Salvador.

 

“Quando ia chegando, vendo a cidade, chorou e dizia: Ah! Se conheceras por ti mesma, ainda hoje, o que é devido à paz! Mas isto está agora oculto aos teus olhos.” (Lc 19:41-42)

 

Cuidado! Se você não priorizar a oportunidade que o Senhor lhe oferece de ser participante da Sua graça e amor, chegará um tempo que será tarde demais, e a fé hipócrita trará frutos amargos, exatamente como aconteceu com o povo de Jerusalém:

“Pois sobre ti virão dias em que os teus inimigos te cercarão de trincheiras e, por todos os lados, te apertarão o cerco; e te arrasarão e aos teus filhos dentro de ti; não deixarão em ti pedra sobre pedra, porque não reconheceste a oportunidade da tua visitação.” (Lc 19:43-44)

 

Para herdarmos o reino dos céus, devemos ter as coisas celestiais como prioridade nas nossas vidas. Lembre-se do que foi ensinado: “Buscai, pois, em primeiro lugar o seu reino e a sua justiça” (Mt 6:33); “Buscai as coisas lá do alto, onde Cristo vive” (Cl 3:1), “Pensai nas coisas lá do alto” (Cl 3:2) etc.

 “Tu, porém, sê sóbrio em todas as coisas, suporta as aflições, faze o trabalho de um evangelista, cumpre cabalmente o teu ministério.” (2Tm 4:5)

 

Veja: http://pensador.uol.com.br/indiferenca/