O Senhor JESUS ordenou os discípulos a batizar as pessoas em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo (Mt 28:19); porém, no dia de Pentecostes, como está registrado em Atos 2, Pedro e os onze batizaram três mil pessoas em nome de JESUS Cristo.

 

Pedro teria errado ao ordenar o batismo em nome de JESUS?

Já ouvi muitos comentários e tentativas de explicações absurdas a respeito desta aparente contradição. Na verdade, não é nenhuma contradição, mas execução fiel da ordem de evangelização: o Senhor ordenou os discípulos a batizar em “nome do”, e é isto que fizeram não só no dia de Pentecostes, mas também em Samaria (At 8); na casa de Cornélio (At 10); em Éfeso (At 19) e em muitos outros lugares.

“[…] E ordenou que fossem batizados em nome de Jesus Cristo.”  (At 10:48)
  • Há quem diga que o batismo ministrado pelos apóstolos em nome do Senhor JESUS Cristo em At 2 foi dirigido somente aos judeus que haviam rejeitado o Senhor JESUS Cristo anteriormente, crucificando-O; daí, a necessidade de os judeus se arrependerem e batizarem em nome do Senhor JESUS. Esta justificativa se torna nula ao lembrarmos que em At 10, Pedro foi aos gentios e a eles também ordenou o mesmo batismo: em nome do Senhor JESUS.
  • Outros dizem que Pedro desobedeceu à ordem de JESUS ou que errou ao dizer “em nome de JESUS Cristo”. Isto não pode ser verdade porque Pedro e os onze, cheios de Espírito Santo declararam a verdade. Aliás, eles tinham acabado de receber o Espírito Santo, o qual o Senhor mesmo disse:
“Quando vier, porém, o Espírito da verdade, ele vos guiará a toda a verdade […]” (Jo 16:13)
  • Se Pedro tivesse se enganado naquele momento, os demais apóstolos o interromperiam, o que não aconteceu; ao contrário, a Bíblia nos relata que os onze se levantaram com Pedro em sinal de total apoio.
  • Caso Pedro tivesse se enganado no dia de Pentecostes ordenando o batismo errado, teria tido o tempo suficiente para se corrigir até o batismo do centurião Cornélio e dos que com ele estavam em Cesaréia (At 10); no entanto, a Bíblia nos mostra que Pedro estava totalmente ciente e convicto das suas atitudes (At 11).
  • Há ainda os que dizem que preferem praticar o que disse o Senhor JESUS “Pai, Filho e Espírito Santo” e ignorar o que Pedro disse: “em nome de JESUS Cristo”, já que JESUS é mais confiável que Pedro. Quanta ignorância! Pergunto: Quem falava no dia de Pentecostes: Pedro ou Espírito Santo? Pedro, na sua epístola, responde:
“[…] Coisas que, agora, vos foram anunciadas por aqueles que, pelo Espírito Santo enviado do céu, vos pregaram o evangelho […]” (1Pe 1:12)
  • Mateus que relatou “em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo” também se levantou com os demais apóstolos concordando com o que Pedro dizia: “em nome de JESUS Cristo”.
  • Paulo diz que recebeu o evangelho mediante revelação de JESUS Cristo (Gl 1:11-12) e ele batizava as pessoas em nome de JESUS (At 19).
Portanto, o batismo em nome do Senhor JESUS Cristo é para:
  • Judeus (At 2:38);
  • Samaritanos (At 8:16);
  • Gentios (At 10:48);
  • Discípulos de João Batista (At 19:1-5);
  • Para mim e para você!
“[…] Um só batismo.” (Ef 4:5) – o batismo em nome do Senhor JESUS Cristo. 

 

“E não há salvação em nenhum outro; porque abaixo do céu não existe nenhum outro nome, dado entre os homens, pelo qual importa que sejamos salvos.” (At 4:12)