Mistério dos Gentios

Em Efésios 3:3-6, o Apóstolo Paulo declara que lhe foi revelado um maravilhoso mistério:

 “Pois, segundo uma revelação, me foi dado conhecer o mistério, conforme escrevi há pouco, resumidamente; pelo que, quando ledes, podeis compreender o meu discernimento do mistério de Cristo, o qual, em outras gerações, não foi dado a conhecer aos filhos dos homens, como, agora, foi revelado aos seus santos apóstolos e profetas, no Espírito, a saber, que os gentios são co-herdeiros, membros do mesmo corpo e co-participantes da promessa em Cristo Jesus por meio do evangelho

 

Gentios são todos os povos não judeu. Israel é uma nação sem paralelo e distinta das demais por haver sido separada por Deus. É verdade que não há nenhuma nação no mundo, se não Israel, que o próprio Senhor Deus disse: “Eu vos escolhi; Eu vos dei as minhas leis, estatutos e mandamentos”, e eles sabem disso e se orgulham. Quem não se orgulharia? Não foi o próprio Senhor que disse para Israel se orgulhar em conhecê-Lo?  (Jr 9:24) Aleluia!

 

Hoje, a igreja dos gentios dá graças ao Senhor (Rm 16:4), pois Ele, o Único Senhor e Salvador Jesus Cristo morreu derramando o seu precioso sangue por todos, ressuscitando ao terceiro dia para conceder a sua infinita bondade e misericórdia a todos os que Nele creem, “para que a bênção de Abraão chegasse aos gentios, em Jesus Cristo, a fim de que recebêssemos, pela fé, o Espírito prometido.” (Gl 3:14)

A mulher cananéia

Partindo Jesus dali, retirou-se para os lados de Tiro e Sidom. E eis que uma mulher cananéia, que viera daquelas regiões, clamava: Senhor, Filho de Davi, tem compaixão de mim! Minha filha está horrivelmente endemoninhada. Ele, porém, não lhe respondeu palavra. E os seus discípulos, aproximando-se, rogaram-lhe: Despede-a, pois vem clamando atrás de nós. Mas Jesus respondeu: Não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel. Ela, porém, veio e o adorou, dizendo: Senhor, socorre-me! Então, ele, respondendo, disse: Não é bom tomar o pão dos filhos e lançá-lo aos cachorrinhos. Ela, contudo, replicou: Sim, Senhor, porém os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa dos seus donos. Então, lhe disse Jesus: Ó mulher, grande é a tua fé! Faça-se contigo como queres. E, desde aquele momento, sua filha ficou sã.”  (Mt 15:21~28)

Por que o Senhor Jesus chamou a mulher de cachorrinho?

Os judeus desprezavam os cães, pois consideravam animais imundos, reviradores de lixo e comedores de carniça (I Rs 21:23). Assim eram os gentios e os pecadores aos olhos destes – povo pagão, sem lei, adorador de um deus qualquer, de costumes abomináveis e comedor de coisas imundas.

            Acautelai-vos dos cães! Acautelai-vos dos maus obreiros! Acautelai-vos da falsa circuncisão!” (Fp 3:2)

            “Fora ficam os cães, os feiticeiros, os impuros, os assassinos, os idólatras e todo aquele que ama e pratica a mentira. (Ap 22:15)

 

 

A comida dos gentios

Os gentios espalhados pelo mundo comem qualquer coisa que o seu estômago pedir, como um povo perdido, sem Lei, aos olhos dos judeus.

“[…] Podereis dá-lo ao estrangeiro que está dentro da tua cidade, para que o coma, ou vendê-lo ao estranho […]” (Dt 14:21)

A comida kosher
A comida kosher é limpa, rica em nutrientes e faz bem a saúde – desde a criação dos animais que servirão como alimento humano, passando pelo abate, preparação e embalagem é sempre inspecionada atentamente por um rabino.

 

Quando o Apóstolo Pedro estava no eirado de uma casa, teve uma visão, e viu como que um grande lençol, contendo muitos animais descendo dos céus e o Senhor dizia: – Pedro! Mata e come. Mas o apóstolo imediatamente respondeu: “De modo nenhum, Senhor! Porque jamais comi coisa alguma comum e imunda.” (At 10:14).

O que será que continha naquele embrulho, e o que Pedro chamou de comum e imunda? Você imagina cobras, lesmas e lagartixas? Bem, talvez, mas poderiam ser também o que os gentios apreciam como porco (lingüiça, salame, presunto), frutos do mar (camarão, polvo, lula, ostras, caranguejo, lagosta, etc ), lebre, avestruz, etc.

 

Pedro era judeu da aldeia de Betsaida, norte da Galiléia. E como judeu, alimentava-se apenas de comidas permitidas na Lei de Moisés (Veja Lv 11 e Dt 14):

  1. Animais quadrúpedes que tem unhas fendidas, que o casco se divide em dois, e que sejam ruminantes. Ex: carneiro e boi podem comer. Porco e lebre, não.
  2. Animais aquáticos que não tem barbatanas nem escamas não devem ser consumidos. Ex: frutos do mar e peixes de couro.
  3. Das aves, o Senhor dá uma lista das que podem e das que não podem ser consumidas.
  4. Insetos que voam, que andam sobre quatro patas e que tem as pernas traseiras mais compridas para saltarem podem ser consumidos. Ex: grilo e gafanhoto. Mas os que apenas voam, e/ou que andam sobre quatro patas não podem ser consumidos. Ex: formiga e cigarra. Confira o site:

http://super.abril.com.br/superarquivo/2004/conteudo_124552.shtml

  1. Outras criaturas como o rato, o lagarto, a lagartixa, a toupeira, o camaleão, o crocodilo e as suas respectivas espécies são impróprias para consumo humano.
  2. Sangue é terminantemente proibido como alimento no Antigo e no Novo Testamento, assim como carne de animais mortos por sufocamento e mortos por si. (Gn 9:5; Dt 14:21; At 15:29).
  3. Carne com leite e seus derivados (Dt 14:21). Ex. Lanche de presunto e queijo, bife à parmegiana.
  4. Embora não seja um mandamento, os judeus não comem a parte traseira dos animais. (Gn 32:32).

Dizem que os verdadeiros apreciadores de carne vermelha são os que comem mal passada, mas quem não a aprecia, muitas vezes devolvem ao garçom para que o cozinheiro a asse mais. Na verdade, o que acontece é que a carne com sangue líquido volta depois de alguns minutos à mesa com sangue torrado. Sangue é sangue, líquido ou não.

 

 

Cão, o melhor amigo do homem?

Agora já não é mais difícil de entender o quanto os gentios são imundos aos olhos dos que seguem rigorosamente as leis judaicas. Antigamente, os judeus consideravam os gentios  imundos tanto quanto os cães da rua.

 

Veja como pensavam os judeus a respeito deste animal:

 “Disse o filisteu a Davi: Sou eu algum cão, para vires a mim com paus? E, pelos seus deuses, amaldiçoou o filisteu a Davi.” (I Sm 17:43)

Após quem saiu o rei de Israel? A quem persegue? A um cão morto? A uma pulga? “ (I Sm 24:14)

             “Tornou Hazael: Pois que é teu servo, este cão, para fazer tão grandes coisas? […]”  (II Rs 8:13)

 “Livra a minha alma da espada, e, das presas do cão, a minha vida.” (Sl 22:18)

“Como o cão que torna ao seu vômito, assim é o insensato que reitera a sua estultícia.” (Pv 26:11)

“Quem se mete em questão alheia é como aquele que toma pelas orelhas um cão que passa.” (Pv 26:17)

            Com eles aconteceu o que diz certo adágio verdadeiro: O cão voltou ao seu próprio vômito; e: A porca lavada voltou a revolver-se no lamaçal.”   (II Pe 22:2)

 

A Bíblia nos ensina que o Salvador veio primeiramente ao povo judeu, e mais tarde, por causa da dureza de coração deste, o evangelho começou a ser anunciado aos gentios:

            “[…] Não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel.” (Mt 15:24)

Pois não me envergonho do evangelho, porque é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê, primeiro do judeu e também do grego; visto que a justiça de Deus se revela no evangelho, de fé em fé, como está escrito: O justo viverá por fé.” (Rm 1:16~17)

“[…] Porque a salvação vem dos judeus.” (Jo 4:22)

 

Repare que no A.T., quase todos os que não eram judeus eram considerados povos inimigos de Deus, com raras exceções. (ex: Rute, a moabita; Raabe, moradora de Jericó).

JESUS CRISTO, o pão da vida

Jesus Cristo é o Pão da vida. Era este o pão que estava na mesa naquele momento. Embora os discípulos não O tivessem rejeitado, posteriormente, os judeus O rejeitaram, lançando-o para baixo da mesa.

A mulher estrangeira é a representante dos gentios, que declara que os cachorrinhos tem direito de comer o que cai da mesa, então, assim que o Senhor foi traído, julgado injustamente e crucificado, os gentios também passaram a ter direito ao PÃO que desceu dos céus.

 

 

O Tempo dos Gentios

A época do A.T. era época dos judeus; ela termina quando começa a época dos gentios. O chamado “tempo dos gentios” começa com a rejeição e a morte do Senhor Jesus Cristo e vai até a sua próxima vinda.

O Apóstolo Paulo, na sua Epístola aos Romanos, 11:25 diz:

Porque não quero, irmãos, que ignoreis este mistério (para que não sejais presumidos em vós mesmos): que veio endurecimento em parte a Israel, até que haja entrado a plenitude dos gentios”.

 

Ou seja, a dureza de coração de Israel não dura para sempre, mas somente até que o número de não judeus (gentios) venha para Deus.

E, nos versículos seguintes está escrito:

“E assim, todo o  Israel será salvo, como está escrito: Virá de Sião o Libertador e ele apartará de Jacó as impiedades. Esta é a minha aliança com eles, quando eu tirar os seus pecados.” (Rm 11: 25-27)

 

A salvação concedida aos judeus e aos pouquíssimos privilegiados da antiguidade, depois da obra maravilhosa que o Senhor fez na Cruz, passou a ser também um direito dos gentios. Podemos ser chamado de cachorrinho (Mc 7:27), vermes (Is 41:14) ou lixo (1Co 4:13) mas, nós gentios também queremos entrar no Reino dos Céus. Glória ao Senhor!

 

Várias vezes o Senhor Jesus se lamentou a respeito de Jerusalém, a capital da nação judaica:

“Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas e apedrejas os que te foram enviados! Quantas vezes quis eu reunir teus filhos como a galinha ajunta os do seu próprio ninho debaixo das asas, e vós não o quisestes! Eis que a vossa casa vos ficará deserta. E em verdade vos digo que não mais me vereis até que venhais a dizer: Bendito o que vem em nome do Senhor!” (Lc 13:34-35)

 

Compare com:

“Quando ia chegando, vendo a cidade, chorou e dizia: Ah! Se conheceras por ti mesma, ainda hoje, o que é devido à paz! Mas isto está agora oculto aos teus olhos. Pois sobre ti virão dias em que os teus inimigos te cercarão de trincheiras e, por todos os lados, te apertarão o cerco; e te arrastarão e aos teus filhos dentro de ti; não deixarão em ti pedra sobre pedra, porque não reconheceste a oportunidade da tua visitação.” (Lc 19:41-44)

 

Quando os judeus ignoraram o Senhor e O mataram, a grande bênção da Salvação passou para os gentios, mas esta oportunidade não durará para sempre – quando o Fim se aproximar, mais uma vez os judeus abrirão o coração para o Senhor ao passo que os gentios fecharão. Até algumas décadas atrás, depois de algum imprevisto desagradável, ainda se via as pessoas dizendo algo como – preciso ir à igreja, ou – É porque estou longe de Deus. Mas o que se ouve com freqüência atualmente são blasfêmias negando O Único Senhor e Salvador Jesus Cristo e a sua Salvação (Confira Jd 4).

 

No Quarto e no Quinto flagelos descritos em Apocalipse 16:8-11, estão profetizados que virão dias em que os homens do mundo, mesmo passando por grandes angústias, não se arrependerão para dar glória ao Senhor, e isso já está se cumprindo nos dias de hoje. Por outro lado, já vemos algumas comunidades judaicas evangélicas crescendo em muitos lugares do mundo.

 

Quando o Senhor Jesus Cristo voltar, terminará o tempo dos gentios e recomeçará o tempo dos judeus. Estes reconhecerão a quem ignoraram e se arrependerão, ao passo que os gentios farão o caminho inverso.

E sobre a casa de Davi e sobre os habitantes de Jerusalém derramarei o espírito da graça e de súplicas; olharão para aquele a quem traspassaram; pranteá-lo-ão como quem pranteia por um unigênito e chorarão por ele como se chora amargamente pelo primogênito.” (Zc 12:10)

 

Agora é tempo de salvação dos gentios. Que ninguém pense em adiar a sua própria salvação, deixando de receber o Senhor e as suas Santas Palavras, pois agindo assim, pode ser que não haja mais oportunidades! O PÃO que os judeus rejeitaram está caindo fartamente da mesa do Senhor, e nós, o povo antes considerado cachorro imundo, estamos tendo oportunidade a este PÃO. Não pense ninguém que sobrará PÃO para aqueles que não correrem. Por isso está escrito:

E nós, na qualidade de cooperadores com ele, também vos exortamos a que não recebais em vão a graça de Deus  (porque ele diz: Eu te ouvi no tempo da oportunidade e te socorri no dia da salvação; eis, agora, o tempo sobremodo oportuno, eis, agora, o dia da salvação);  não dando nós nenhum motivo de escândalo em coisa alguma, para que o ministério não seja censurado. (2Co 6:2)

 

“… Mas, pela sua transgressão, veio a salvação aos gentios, para pô-los em ciúmes. Ora, se a transgressão deles redundou em riqueza para o mundo, e o seu abatimento, em riqueza para os gentios, quanto mais a sua plenitude!” (Rm 11:11~12)

 

Que todo o povo gentio aproveite esta enorme graça, amando, crendo e honrando e correndo para o Senhor Jesus, pois a honra e a glória pertencem somente a Ele.

Dirijo-me a vós outros, que sois gentios! Visto, pois, que eu sou apóstolo dos gentios, glorifico o meu ministério” (Rm 11:13)

 

“… Declarou-lhes Jesus: Em verdade vos digo que publicanos e meretrizes vos precedem no reino de Deus. Porque João veio a vós outros no caminho da justiça, e não acreditastes Nele; ao passo que publicanos e meretrizes creram. Vós, porém, mesmo vendo isto, não vos arrependestes, afinal, para acreditardes Nele.” (Mt 21:31~32)

 Veja: Mistério do Evangelho

 

Veja também:
  1. Sl 117:1
  2. Is 42:1-9
  3. Mt 12:18
  4. Mt 12:21
  5. Lc 2:32
  6. At 9:15
  7. At 11:1
  8. At 13:46-52
  9. At 15:7-29
  10. At 18:5-11
  11. At 21:17-26
  12. At 26:20-23
  13. Rm 1:5-6
  14. Rm 11:36
  15. Gl 2:2
  16. Gl 3:8-14
  17. Ef 2:11
  18. 1Tm 2:7
  19. 1Tm 3:16