Lepra: retrato do pecado (Lv 13)

Naamã era comandante do exército sírio, um homem de grande prestígio no seu país, porém leproso. Obedecendo à palavra do profeta Eliseu, banhou-se sete vezes no rio Jordão e teve a sua saúde restaurada. (Cf  2Rs 5)

 

Na Bíblia, a lepra (hanseníase) é bastante citada, e figura o pecado, mostrando como ela surge, contamina, age, e mata. É uma enfermidade silenciosa que ataca por dentro, e quando a vítima percebe, já pode ser tarde:

  • No começo é apenas uma pequena mancha (2Rs 5:11; Lv 13:2, 22,-23; 1Co 5:6);
  • Contamina o homem (Is 1:4-6; Lc 17:12-19);
  • É contagiosa (Pv 4:14-15);
  • Nos tempos antigos era incurável (Jr 13:23);
  • É praga (Lv 13:3);
  • O leproso era excluído da sociedade (Lv 13:46; Nm 5:2-4; Is 59:2);
  • Leva à morte (Rm 6:23; 5:12; Tg 1:15);
  • Somente JESUS CRISTO pode curá-la (Hb 9:22; 1Jo 1:7)

byo