Frequentemente, digo aos irmãos para lerem a Bíblia do começo ao fim; e, não somente alguns versículos isoladamente, dando oportunidade para más interpretações. Por exemplo, quem lê só o Evangelho Segundo Lucas, enxergará o Senhor Jesus como um humano. Já quem lê Mateus, verá Jesus Rei, quem lê Marcos, verá Jesus Servo e quem lê João, verá Jesus Deus. Jesus é e era Deus, o Rei, Servo e homem ao mesmo tempo. Veja postagens anteriores:

Tanto Mateus como Lucas mencionam os ancestrais de Jesus, ao contrário de  Marcos e João. Isto porque, embora a mensagem seja a mesma, o público alvo era diferente:
Mateus
Marcos
Lucas
João
Público alvo
Judeus
Romanos
Gregos
Todos
Jesus é apresentado como
Rei
Servo
Homem
Deus
Seus antecedentes mostram
Que Jesus é rei, descendente de Davi
Anônimo
A humanidade
de Jesus
A divindade
de Jesus
Ênfase
Soberania
Ministério
Humanidade
Divindade
Marcos apresenta o Senhor Jesus Cristo como um servo e servos não necessitam de genealogia. Os romanos, a quem Marcos direcionou o seu Evangelho, não tinham interesse em saber de onde um servo tinha vindo, mas sim em saber o que ele poderia fazer. Diferentemente dos romanos, os judeus, alvo de Mateus, esperavam pelo Messias, o Rei. Assim, Mateus dá os antecedentes de Jesus, até suas raízes judaicas como Filho do rei Davi. Lucas também apresenta o Senhor como o homem perfeito, citando os ancestrais de Cristo até o primeiro homem, Adão. João, por outro lado, apresenta Jesus Deus vindo na carne, apontando para a Sua eternidade.