Hierápolis, Colossos e Laodiceia

Hierápolis é uma estância termal da Ásia Menor, atual Turquia, que desde a época dos apóstolos tem atraído milhares de visitantes. Suas águas atingem a temperatura de até 50° C e atribuem-se a elas várias propriedades medicinais e terapêuticas.

Npamukkale (1)as proximidades da antiga cidade romana de Hierápolis está a estância natural de Pamukkale, cujas águas termais descem em cascatas vários degraus que formam piscinas naturais. O branco que se vê na foto ao lado não é neve, e sim mármore travertino.

 

Colossos

Se Hierápolis era conhecida como cidade de águas quentes, a sua vizinha, Colossos, era conhecida como cidade de águas frias refrescantes. Embora, provavelmente, Paulo nunca tivesse estado pessoalmente em Colossos, ele escreveu uma epístola endereçada aos irmãos da cidade:

“Desde que ouvimos da vossa fé em Cristo Jesus e do amor que tendes para com todos os santos; por causa da esperança que vos está preservada nos céus, da qual antes ouvistes pela palavra da verdade do evangelho” (Cl 1:4-5) 

 

“Por esta razão, também nós, desde o dia em que o ouvimos, não cessamos de orar por vós e de pedir que transbordeis de pleno conhecimento da sua vontade, em toda a sabedoria e entendimento espiritual” (Cl 1:9)

 

Laodiceia

laodiceia

Tubulação de Laodiceia

Esta, embora fosse um rico centro comercial da época servido por estradas pavimentadas e localização privilegiada, não havia suprimento de água permanente nas proximidades, senão águas mornas encanada.

 

No Livro de Apocalipse observamos várias alusões feitas pelo Senhor à igreja em Laodiceia: Apesar de toda a sua riqueza, a cidade não podia produzir nem o poder curativo da água quente, como a sua vizinha Hierápolis, tampouco águas refrescantes como de Colossos. O Senhor advertiu a fé da igreja em Laodiceia comparando-a às suas águas mornas útil apenas para vomitório:

 

“Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente. Quem dera fosses frio ou quente! Assim, porque és morno e nem és quente nem frio, estou a ponto de vomitar-te da minha boca; pois dizes: Estou rico e abastado e não preciso de coisa alguma, e nem sabes que tu és infeliz, sim, miserável, pobre, cego e nu.” (Ap 3:15-17)

 

A igreja em Laodiceia retrata bem muitas igrejas da atualidade em todo o mundo: trancam as suas portas para o Senhor JESUS não entrar e fingem não ouvir o Senhor batendo às portas (Ap 3:20); têm tudo – desde poltronas confortáveis, até programas televisivos, exceto o mais importante: o Salvador JESUS Cristo.

 

Estamos no final dos tempos – veja que Laodiceia é a última da lista das sete igrejas. Isto se compara à situação espiritual de igrejas dos últimos tempos. Acorda, Laodiceia! Acorda, ó povo de Deus! Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas para que possa sentar-se com o rei JESUS no trono! (cf. Ap 3:21-22)